computador lento

Quando você percebe que o seu micro ou notebook não está mais com o mesmo desempenho, tem estado mais lento e demorando um pouco mais para realizar algumas tarefas, a primeira pergunta que passa pela cabeça é: será que mais memória vai resolver o meu problema ?

Alguns até afirmam com convicção: é memória ! E já sai para comprar um pente de memória sonhando em fazer aquele tão desejado upgrade para logo em seguida cair na frustração de não ver o seu “possante decolar”.

Por isso , meus amigos, aqui vão algumas informações úteis que poderão te ajudar a entender um pouco mais sobre este custo-benefício.

A primeira coisa que deve ser levada em consideração são as seguintes perguntas:

Quais as tarefas que preciso realizar em minha rotina diária?

Trabalho com vídeo?  Trabalho com áudio ?

Preciso abrir vários programas e telas simultâneamente ?

Somente utilizo a internet e editores de texto como Word e Excel ?

Primeiramente, a memória RAM, tecnicamente falando, não tem o poder de acelerar o desempenho do processador, ou seja, não faz com que ele trabalhe mais rápido. Sendo assim qual seria a relação da mempente-de-memóriaória RAM com desempenho? Para que você entenda isso , precisamos esclarecer ,resumidamente, como é feito o processamento de tarefas em um computador.

Quando uma tarefa está para ser executada em um computador, o processador vai buscar as informações necessárias armazenadas na memória RAM e se elas não estiverem lá, estarão armazenadas no HD de onde serão transferidas para a memória. Quando abrimos um programa, este processo é justamente a transferência das instruções necessárias do HD para a memória. Quando o programa ja está completamente aberto e pronto para ser utilizado, todas as informações necessárias para fazê-lo rodar, encontram-se disponíveis agora, dentro da memória. A partir deste momento, o processador vai buscar as informações na memória e não mais no HD, cada vez que pedimos para que o programa faça algo. Então, quanto mais programas utilizarmos simultaneamente, mais memória vamos precisar para armazenar temporariamente suas instruções. Note que a memória RAM é do tipo volátil e tudo o que foi armazenado nela durante uma sessão, será apagado completamente quando desligarmos o computador ou parcialmente quando fecharmos algum programa. Cada periférico instalado requer sua porção de memória para ser utilizado assim que a máquina reinicializa, diminuindo o espaço total temporário disponível.

Portanto podemos pensar analogamente que a memória RAM seja uma bolsa de compras, e toda vez que vamos ao supermercado, ela é utilizada para guardar produtos com os quais será feito o menu do dia. É certo no entanto que quando a tarefa das compras for finalizada, a bolsa ficará vazia e ficará esperando até que novas compras sejam realizadas. Note que temos que sair de casa, ir até o supermercado, carregar as compras pesadas e voltar com elas para finalmente fazer aquele delicioso cozido da vovó.

Pensando assim , quanto maior for a bolsa mais poderemos comprar, porém precisaremos de mais músculos para carregá-la de uma vez senão vamos precisar fazer várias viagens, demorando mais.

Está ai portanto, a grosso modo, a relação custo-benefício entre memória e processamento, não entrando no mérito dos outros participantes do jogo que são: HD e placa de vídeo e áudio.

Nessa estória toda, deve-se levar em consideração também o caminho percorrido entre o processador, a memória e o HD. Se o trajeto até o supermercado estiver engarrafado certamente o almoço vai atrasar !

Conclusão

Se você nota que a lentidão está no momento em que é aberto um determinado programa, pode-se deduzir que, ou o seu HD precisa de cuidados ou o programa é do tipo realmente “pesado” e que leva algum tempo para abrir, como é o caso daqueles que trabalham com edição de imagem ( photoshop, corel e outros também varias telas 2relacionado à áudio). Faça um teste abrindo-o assim que o computador é iniciado, ou seja , sem nenhum outro programa aberto de forma que seja possível ter a noção se o problema é falta de memória ou se o HD é quem precisa de reparos. Aqui me refiro à reparo em HD tanto problemas de software quanto do hardware em si. Reinstalar o programa pode ser uma das soluções e desligar temporariamente o antivirus tambem ajuda.

Se notar que a lentidão somente se apresenta depois de vários programas abertos, várias telas da internet conteúdo de vídeo, grandes chances há de que a quantidade de memória não seja suficiente para armazenar toda a informação requerida naquele momento. Normalmente isso pode acontecer com quem utiliza os processadores Core2 Duo ou Dual Core. Os novos processadores I3, i5 e i7 tem a capacidade de processamento muito mais rápida.

Como os computadores são maquinas complexas , não acaba aqui as chances de termos outros motivos pelos quais os computadores apresentam lentidão. Se ficou na dúvida é sempre bom conversar com um técnico antes de tomar a decisão de realizar qualquer upgrade.

 

 

Compartilhe com seus amigos !Share on FacebookGoogle+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail to someone